domingo, 19 de abril de 2015

Coroatá inicia Diálogos


Uma forma democrática e participativa que visa a melhoria de qualidade de vida da população coroataense, um diálogo criado para estabelecer uma reforma de incluir o povo no contexto político, foi assim criado o Diálogos por Coroatá, um grupo formado por lideranças, sindicatos, juventude, igrejas, associações que iram percorrer todo o município, ouvindo e debatendo propostas concretas para a população.

O primeiro local a ser feito a reunião, foi no povoado sozinho, várias pessoas da comunidade puderam participar do encontro, debateram propostas para ter uma Coroatá melhor para todos. A presidente da associação, Dona Carmosa, deu o total apoio e fortalecimento do projeto para a comunidade.



sexta-feira, 17 de abril de 2015

Claudeci Reis toma posse como vereador na Câmara de Coroatá

Tomou posse nesta quinta-feira (16/04), em Coroatá, o vereador Claudeci Reis (PTC). Ele era suplente do vereador Marcelo Moura (PTC), que deixou a Câmara para assumir a CAEMA.

Vereador Claudeci que não últimas eleições de 2012, obteve uma votação expressiva, com 828 votos, pela coligação Coroatá Crescendo com o Povo, colocando assim na suplência.
 
O nosso Blog deseja boa sorte ao novo Vereador de Coroatá.

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Depois de denuncia sobre a merenda escolar da Escola Municipal São José I, secretário se irrita. Entenda!!!



Do Coroatá Online
O Programa Canal Aberto exibiu ontem, quarta-feira (15/04), uma matéria onde mostrou mães de alunos denunciando a merenda escolar da Escola Municipal São José I, localizada no Povoado Flor do Dia. Ainda ontem, o Secretário de Educação, Raimundo Josias Silva, deu entrevista ao Programa Balança Cidade, desmentindo a informação. Só que a polêmica não acabou por ai.

Hoje, quinta-feira, a equipe do Canal Aberto voltou ao colégio, a pedido dos pais de alunos, para constatar a veracidade da denúncia. Quem estava na unidade de ensino era o Secretário Municipal de Educação, que apesar de concordar em conceder entrevista ao programa ‘ligado’ a outro grupo, algo muito difícil de se ver na cidade, ele não concluiu a entrevista, visivelmente incomodado.

Pelas imagens, dá pra se notar que o professor Josias se irrita ao ver a movimentação do dedo do repórter Malicio Gonçalves no microfone. Ele imaginou que o áudio estava sendo desligado. Veja abaixo a confusão.

Andrea Murad, Ricardo e Roseana Sarney são reincidentes do mesmo crime

Andrea em São João dos Patos: desembarca de helicóptero locado pela SES para transporte de doentes.
Andrea em São João dos Patos: desembarca de helicóptero locado pela SES para transporte de doentes.
O uso irregular de helicóptero por membros da oligarquia Sarney Murad tem dado o que falar nos bastidores da política. A comprovação de que a filha de Ricardo Murad se elegeu usando um helicóptero que seria destinado a transporte de pacientes em estado grave no Maranhão chocou a sociedade, mas é mais grave quando se lembra dos absurdos que essas mesmas famílias são usuárias assíduas desse tipo de ilegalidade.

Quem não lembra que, para se eleger em 2010, além de desvio de verbas públicas para comprar apoio político, Roseana Sarney também usou aeronaves da empresa PMR para sobrevoar o Maranhão em sua milionária. Paga pelo povo.

A PMR é uma empresa de transporte aéreo do Rio Grande do Sul, que locava um helicóptero para o Governo do Amapá, por indicação do então senador José Sarney. A partir daí, com a volta de Roseana para o Governo, a empresa passou a abocanhar nada menos que R$ 15 milhões por ano no Maranhão.

Roseana chegou a ser flagrada voando num desses helicópteros na campanha de 2010, aeronave que era pilotada por um capitão da PM. Outro ato de uso da estrutura do Estado para uso eleitoral.

Tudo isso tem nome: Improbidade administrativa, definição de crime contra o patrimônio público. O que não é nenhuma novidade para os maranhenses que conhecem bem esse enredo, repetido a cada dois anos pelo mesmo grupo.

Andrea Murad é .apenas mais um membro da oligarquia reincidente no crime de improbidade administrativa usando o dinheiro público do povo para manter seus privilégios no poder. Até quando os órgãos de investigação do Estado vão continuar de olhos vendados para as acrobacias muradianas?

Com informações do Marrapá

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Ligações de orelhões em 15 Estados serão gratuitas a partir desta quarta-feira

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) determinou que as ligações de orelhões da Oi serão gratuitas em 15 Estados a partir desta quarta-feira (15), após a operadora de telecomunicações não atingir patamares mínimos de disponibilidade nessas localidades.
"A medida é resultado do trabalho da Anatel no monitoramento dos patamares mínimos de disponibilidade dos telefones públicos da concessionária em sua área de atuação", disse o órgão regulador em comunicado à imprensa nesta quarta-feira.
A disponibilidade dos orelhões deve ser e de no mínimo 90% em todos os Estados e no mínimo 95% nas localidades atendidas somente por orelhões, segundo a Anatel.
A Oi não atingiu os patamares mínimos de disponibilidade nos Estados de Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe, de acordo com a Anatel.

SAÚDE: DIVULGADO RESULTADO DO CONCURSO DE PROJETOS DE OS’S E OSCIP’S

Foto1_Divulgação-Resultado-de-concurso-de-OS-e-Oscips
O governo do Estado por meio da secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou, nesta terça-feira (14), no auditório da Comissão Central Permanente de Licitação do Estado (CCL/MA) o resultado final da Licitação Pública que selecionou as entidades sem fins lucrativos que serão responsáveis pela implementação dos serviços de saúde na rede estadual durante os próximos 12 meses.

Resultado do concurso de projetos de OS’s e Oscip’s da Saúde

Três Organizações Sociais de Saúde (OS’s) e duas Organizações da Sociedade Civil de Interesses Públicos (Oscips) venceram o concurso. Todas começarão a prestar serviços no início do mês de maio, quando terminam os contratos celebrados com as empresas atuais.

As empresas vencedoras são oriundas de vários Estados do país, entre elas, o Instituto Natureza e Cidadania (ICN) única OS das anteriores que continuará a prestar os serviços por ter vencido dois grupos na licitação.

Dentre os grupos das Oscips, em dois não houve vencedores porque as empresas não conseguiram apresentar propostas técnicas adequadas aos perfis das unidades de alta complexidade. Diante disso, no grupo um a SES ainda divulgará como será feito o novo procedimento de escolha. Já no último grupo, a SES decidiu nomear a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH) para o gerenciamento. A empresa foi criada em 2012, mas só começou a ser operacionalizada a partir deste ano.

A realização deste concurso é parte das ações do governo Flávio Dino para reestruturar o sistema de saúde do Estado. O concurso de projetos de forma transparente e obedecendo aos critérios legais é inédito na gestão estadual no processo de assinatura de convênios por meio de Oscips e Os para a contratação de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e profissionais afins. O processo democrático com a seleção de organizações vai garantir a melhoria da qualidade dos serviços de saúde pública prestados à população maranhense.

Seguindo o cronograma do Edital de Contratos de Gestão e Termos de Parceria divulgado no Diário Oficial do dia 23 de março e também nos jornais de grande circulação do país, as empresas tiveram 10 dias para manifestação de interesse na participação do certame. Após o encerramento das inscrições, foram recebidas 33 propostas técnicas e destas, 14 foram habilitadas para a concorrência pública.

Para o secretário de Saúde Marcos Pacheco, do ponto de vista administrativo o inédito processo licitatório significou um ato revolucionário. “Hoje podemos dizer que no Maranhão temos uma gestão transparente e sem politização das suas ações que prima pela racionalidade dos gastos”, explicou o secretário.

Transparência
O secretário Marcos Pacheco destacou ainda que até então apenas três empresas eram escolhidas a partir de critérios nada transparentes e faziam a implementação dos serviços hospitalares na Saúde, o que explica os superfaturamentos nos contratos, a má gestão dos recursos públicos e o inchaço da máquina pública no período que antecedeu as eleições.

Com as novas empresas, o governo do Estado deve enxugar 30% dos gastos com serviços hospitalares e ganhar mais eficiência. “Precisamos racionalizar os gastos da Saúde, organizar os custos das unidades com base em parâmetros do Ministério da Saúde”, explica Pacheco.

Na avaliação do secretário adjunto da Casa Civil, Carlos Lula, que também compôs a equipe de análise dos projetos, a prática da concorrência é um grande passo na instauração do capitalismo no Maranhão onde quem ganha é a população. “Teremos melhores serviços com preços mais baixos permitindo, inclusive, que o Estado invista em novas unidades hospitalares”, assinalou Carlos Lula.

Marcos Pacheco afirmou que os atuais funcionários que prestam serviços para a saúde com reconhecida qualificação técnica serão aproveitados pelas novas prestadoras de serviços da saúde. “Os profissionais possuidores de histórico positivo, com todas as suas faltas e atrasos justificados e que tenham mantido postura e comprometimento profissional capazes de atender aos cidadãos maranhenses de forma humanizada, serão recontratados pelas empresas resultantes da licitação”, afirmou.

Além disso, a certeza da melhoria da qualidade dos serviços prestados pelas empresas vencedoras do certame é que os institutos irão trabalhar com um plano operativo cuja execução será acompanhada por uma comissão da SES que avaliará permanentemente o trabalho das OS’s e Oscips.

Coroataense é morta por bala perdida no Rio de Janeiro



















A mulher identificada como Claudia Rocha (imagens), foi morta no final da tarde desta terça-feira (14/04), durante um confronto entre militares da Força de Pacificação do Exército e criminosos, na Vila do João, no Complexo da Maré, Rio de Janeiro.

Claudia, que é coroataense e trabalhava com o comercio, estava dentro de casa, quando foi atingida. De acordo com a assessoria da Força de Pacificação, os militares estavam em patrulhamento, próximo a Travessa 13, quando sofreram disparos de fuzil e de pistola de bandidos. Ainda segundo a assessoria, a tropa reagiu.

Depois do confronto, os militares teriam sido informados que a comerciante havia sido baleada. Em nota, a assessoria afirmou que a mulher estava numa posição afastada e à retaguarda da tropa, quando foi atingida.

Também em nota, a Força de Pacificação tem priorizado, em todas as situações, a segurança da população. “Seus integrantes passam por treinamento constante e são militares profissionais com experiências adquiridas no Haiti e na pacificação dos Complexos do Alemão e da Penha”. A assessoria frisou que, “com equilíbrio e dentro da legalidade, a Força de Pacificação continuará empreendendo esforços para garantir a segurança da população e desarticular as facções criminosas na área da Maré”. E destacou que conta com a colaboração da população, através do Disque-Pacificação (3105-9717) ou pelo WhatsApp (97653-1620).

Claudia Rocha morava em Coroatá e mudou para São Paulo em busca de uma vida melhor. Alguns detalhes em sua página no facebook chamaram a atenção. Ela publicou recentemente que estava “com o coração em sua terra”. Também compartilhou a mensagem que dizia: “Vai firme na direção da sua meta... porque o pensamento cria... O desejo atrai e a fé realiza!”. Também em seu facebook há a mensagem que amanhã ela completaria mais um ano de vida.

Ricardo Murad usou helicóptero da Saúde em campanha do genro

10494609_1479597268984473_3828515829395521378_n
A aeronave de prefixo PP-MRF, fretada para socorrer emergências médicas, se deslocou à principal base eleitoral do então candidato a deputado estadual no dia e hora da inauguração do primeiro comitê dele em Santa Inês.O ex-secretário de Saúde Ricardo Murad usou pelo menos duas vezes um helicóptero pago com recursos do governo estadual para participar da campanha do genro Sousa Neto (PTN).
Na sessão legislativa dessa terça-feira, o deputado estadual Rogério Cafeteira (PSC) denunciou que Murad fugiu com vários contratos da Secretaria de Saúde, por isso a demora na divulgação das auditorias realizadas na pasta.Segundo os mapas de voos da PMR Taxi Aéreo, o helicóptero fez voos entre Coroatá, Santa Inês e São Luís em 9 de agosto de 2014. Na data, Ricardo e a esposa, a prefeita de Coroatá, Teresa Murad, participaram do ato eleitoral do genro-candidato.

“É porque simplesmente um deles é o da PMR justamente. Esse contrato foi tirado, foi surrupiado de dentro da secretaria, assim como outros”, denunciou o líder do governo.

Nota de Esclarecimento/Vice-Prefeita!!!!!

Em matéria publicada neste blog no dia 13/02/2014, no qual se referia que atual Vice- Prefeita Neuza Muniz recebeu terreno Público em 2004, na época da gestão do Prefeito Rômulo Augusto, Neuza procurou a delegacia, devido ter se sentida ofendida, no mesmo fizeram um acordo com o blog, em direito de se manifestar sobre o caso.

A vice-prefeita apresentou certidão Vintenária do Imóvel, Certidão Atualizada, bem como certidão negativa de registro emitidas pelo cartório de imóveis do município de Coroatá, QUE DEMOSTRAM QUE NÃO TEM NENHUM DOCUMENTO DE IMÓVEL NESTA LOCALIDADE, no qual documento afirma  qua a vice-prefeita não possui terreno público, não vendeu, nem fez doação a quem quer que seja.

Veja as documentações:








terça-feira, 14 de abril de 2015

Resultados de auditoria no Detran revelam fraude e superfaturamento


marrapa
Os primeiros resultados das auditorias que estão realizadas no Governo do Estado revelam um cenário assustador e de graves fraudes e superfaturamento nos contratos analisados apenas de janeiro a outubro do ano passado, pelo critério amostragem.

O blog teve acesso a informações seguras que no DETRAN já há documentação que é nitroglicerina pura, que demonstram irregularidades em procedimentos licitatórios e adesões às atas de registro de preços para beneficiar figurões conhecidos do Maranhão e beneficiar o grupo dominante de 50 anos da oligarquia.

As irregularidades apontam para um rombo de mais de 40 milhões de reais.

Uma das graves constatações diz respeito à empresa que cuidava da Gestão de Sistemas do DETRAN. No processo que culminou com a vitória da empresa para abocanhar mais de 8 milhões de reais, não há o projeto executivo, que é o responsável por conter todos os elementos necessários à execução e acompanhamento do objeto contratado, e que é obrigatório em qualquer licitação.

E a empresa beneficiária disso é famosa e conhecida no meio, já figurando na imprensa nacional.

Fontes do blog informam que isso batendo no TCE vai ser choro e ranger de dentes pra todo mundo… Os antigos diretores já estão de cabelo em pé e sabem que vem chumbo por aí.

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Governo Flávio Dino é aprovado por 72% dos maranhenses, diz pesquisa

flavio-dino-governador-eleito-do-maranhao-concedeu-entrevista-ao-uol-e-a-folha-em-3nov2014-a-gravacao-ocorreu-no-estudio-do-grupo-folha-em-brasilia-1415042678799_956x500 (2)
O índice de aprovação dos cem primeiros dias da nova administração do Governo do Estado é de 72%, segundo pesquisa do Instituto Exata. O índice foi divulgado na manha desta sexta-feira (10), apontando que 21% não aprovam a atual gestão e 8% não sabem ou não responderam. A pesquisa de alcance estadual revelou que a aprovação do Governo Flávio Dino se mantém alta entre os maranhenses.

Para 76% dos entrevistados, Flávio Dino tem bom desempenho no exercício da função de governador, contra 16% que acham que ele não tem bom desempenho e 8% não opinaram. A pesquisa foi realizada em todas as regiões do Estado e ouviu 1.400 pessoas.

A pesquisa mostrou que a principal qualidade do governador, na visão dos entrevistados, é ser esforçado e batalhador (10%), sério (9%) e honesto (8%). Já o principal defeito, na opinião dos ouvidos pela sondagem da Exata, é a ausência nos municípios (3%).

Ainda de acordo com a pesquisa Exata, 54% da população acha que a gestão de Flávio Dino está sendo melhor do que a da sua antecessora, a ex-governadora Roseana Sarney.

Gráfico de aprovação;
pesquisa Exata(2)

quinta-feira, 9 de abril de 2015

Governo convoca 183 aprovados em concurso da Caema


Foto 1 - Caema convoca 183 aprovados em concurso
Após reduzir o quadro de trabalhadores terceirizados, a diretoria da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) convocou 183 aprovados no concurso público realizado em 2014. A relação dos aprovados será publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (9).
Foram convocados nove concursados de nível superior, 39 agentes comerciais, sete agentes administrativos, dois técnicos administrativos, três agentes operacionais, 64 assistentes operacionais, 15 técnicos operacionais e 44 para o apoio administrativo. Com esses novos colaboradores, o custo mensal com pessoal terá um aumento da ordem de R$ 732 mil.
O diretor-presidente da Caema, Davi Telles, destacou que a gestão passada deixou a companhia com todos os sistemas sucateados e com carência de pessoal, e que o governo Flávio Dino está empenhado em mudar esse quadro. “A orientação do governador Flávio Dino é de valorizarmos o quadro funcional da empresa e prepará-la para garantir melhor prestação de serviços à população”, frisou.
Davi Telles ressaltou que está será a primeira contratação de engenheiros depois de 30 anos, serão sete profissionais. “A Caema conta com um excelente quadro técnico, mas precisava ganhar um reforço. A última contratação de engenheiros foi em outubro de 1988. Com esses novos engenheiros estamos nos preparando para o desafio de elaborar os grandes projetos necessários ao desenvolvimento da empresa e levar água a todos os maranhenses atendidos pela Caema”, disse.
Os convocados devem se apresentar para o processo de contratação nos dias 13 e 14 deste mês, das 9h às 11h30 e das 14h30 às 17h30, na sede da Caema, na Rua Silva Jardim, 307, Centro – São Luís.

quarta-feira, 8 de abril de 2015

Piada do Dia: Andrea Murad usa seu pai como o bom exemplo.


Do blog John Cutrim

A deputada Andrea Murad (PMDB) não usa espelho em casa. Escamoteia a todo custo nos seus discursos a verdade e não enxerga a realidade decadente do Maranhão deixado pelo seu grupo político. A única imagem refletida é a do pai, Ricardo Murad, o enrolado ex-secretário de Saúde do governo encrencado de Roseana Sarney.

Ricardo foi auxiliar de Roseana, a ex-governadora filha do aposentando José Sarney, citada na Operação Lava Jato por receber, segundo denúncia, propina oriunda de esquema de desvio de dinheiro da Petrobras.

Para Andrea Murad, deputada eleita por um desses acasos da vida sem ter feito um único esforço, esse é o governo, onde o pai era uma espécie de primeiro ministro, parâmetro de moralidade, exemplo de eficiência pública. Só que não!

O governo do qual o pai de Andrea era xerife foi um antro de corrupção, de ilegalidade, além do fracasso de gestão, que deixou o Maranhão entre os estados mais pobres, atrasados e miseráveis do país. Legado negativo que Andrea e sua família tem participação.

A cada dia estoura na imprensa novas denúncias de esquema de desvios de verba pública do estado no governo Sarney/Murad. Nas secretarias de Saúde, Educação, Meio Ambiente, entre outras, há indícios de que o dinheiro do povo jorrava pelo ralo da corrupção,

Talvez Andrea Murad, a paladina dos bons costumes e da honra, não saiba que Ricardo Murad, exemplo para ela de honestidade, vestal de honradez e correção, teve contas desaprovadas pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado).

A deputada nada fala das dispensas de licitações milionárias ocorridas na secretaria do pai, alvo até de investigação da polícia federal, no entanto arvora apontar o dedo para a moralização feita pelo novo governo que fez concurso para contratação de prestadora de serviços na saúde, conforme manda a Lei.

Mesmo assim, Andrea acha que pode acusar os demais, que não pertencem ao seu grupo, das mesmas práticas corriqueiras do pai.

Parlamentar de pouco embasamento, deslumbrada com o poder e sem expressão, a neófita Andrea Murad quer fazer de tudo para chamar a atenção, só que peca em medir os outros pela régua que, a começar, não serve dentro de casa.

Coroatá completa 95 anos, com ponte quebrada.


No dia que Coroatá completa 95 anos, a festa É dos descasos do poder público com a população, com problemas que só aumentam, chegaram a nossa redação um problema que já dura quase uma semana, a principal ponte que liga Coroatá ao povoado Limão está totalmente quebrada.

Agora o que fazer?isso é um problema grave que coloca em risco os professores, moradores que trafegam pela aquela ponte.

Domingos Alberto parabeniza Coroatá pelo os seus 95 anos.

Veja sua mensagem:
Bom dia!!! hoje Coroatá completa os seus 95 anos de emancipação politica, uma cidade de homens e mulheres trabalhadoras de um povo humilde que a cada dia busca por dias melhores. Parabéns Coroatá, vamos continuar lutando para libertar nossa cidade do atraso..
‪#‎Parabéns‬ Coroatá..

terça-feira, 7 de abril de 2015

Patetice do dia

Um discreto adversário da família Murad na Assembleia Legislativa definiu como desastrosa a atuação da deputada estadual Andrea Murad (PMDB). Para ele, também é desumana a forma como o ex-secretário Ricardo Murad tem sacrificado o mandato da filha, obrigando-a a atacar outros parlamentares e expondo-a ao ridículo de defender ilícitos e falcatruas. Ao comentar a postura “pouco comprometida” do deputado estadual Souza Neto (PTN), cunhado de Andrea e genro de Ricardo, o ex-sarneyzista foi categórico: “Este aí muito dificilmente termina o ano casado”.
Com informações do Marrapá

A realidade de Coroatá sem maquiagem

Enquanto Coroatá afunda na lama e no buraco, a Prefeita Teresa Murad(PMDB) anda pintando muros e inaugurando, e sempre desfilando a custa do povo sofrido de Coroatá, a imagem a cima mostra a cara do governo municipal, com uma avenida no centro de Coroatá, totalmente cheia de buracos e muita lama.

Pra que isso Prefeita?enquanto dos meses caem milhões nos cofres da prefeitura para ser aplicados na melhoria e desenvolvimento do município, o que constatamos é isso.

Coroatá aniversaria amanhã, mas sem nada para comemorar.

Amanhã nossa querida cidade completa os seus 95 anos de emancipação, uma cidade acolhedora e cheio de encantos, com suas belas paisagens, mas muita coisa mudou, acontecimentos que marcarão deixou muitas feridas; "eita Coroatá com suas belas paisagens que não volta mais", jardins, praças e canteiros todos acabados, uma tristeza muito grande, começando da praça da prefeitura até as nossas árvores, tudo destruído, amanhã a cidade amanhecerá como dizem os poetas, mais triste. Mais com tudo isso, Parabéns Coroatá.

Na foto acima, mostra como era tão bonita nossa cidade.

Veja a historia de Coroatá contada aqui:

Os primeiros habitantes a penetrarem neste município foram os portugueses, e, a eles, juntaram-se mais tarde habitantes das zonas vizinhas. A cidade de Coroatá originou-se de “depósitos” ou “paiós” (espécie de posto) de fazendeiros e de visitantes de outras regiões, notadamente do Mearim. Com o progresso do povoado, chegaram novos imigrantes destacando-se os sírio-libaneses que, desenvolvendo o comércio, contribuíram na independência da localidade. Em 5 de novembro de 1843, através da lei n° 173, foi criada a Vila Coroatá, sendo este território desmembrado do município de Caxias e Itapecuru-Mirim. Após 77 anos Coroatá foi elevada a categoria de cidade, sendo assim seu aniversário comemorado no dia 8 de abril de 1920, favorecido pela lei n° 924, durante o governo do Dr. Urbano Santos de Araújo.

O primeiro nome da cidade foi Coroatá Grande, quando era ainda um arraial. Este nome derivou-se de uma planta existente na região chamada pelos moradores de piteira ou agave; a planta era originaria do México e os indígenas conheciam-na como Croatá-Açú. Mais tarde os habitantes começaram a se transportar para um lugar mais próximo do rio Itapecuru onde foi edificada a cidade.

Sonhos Roubados: Grupo Sarney permitiu que criminosos controlassem ruas e presídios

Em meio ao caos da explosão de violência a então governadora Roseana Sarney gabava-se de que o Maranhão era um estado rico
Em meio ao caos da explosão de violência a então governadora Roseana Sarney gabava-se de que o Maranhão era um estado rico
Há alguns meses São Luís vivia um pesadelo. Quadrilhas que comandavam decapitações, torturas, fugas e toda sorte de misérias humanas dentro dos presídios, passaram a impor a mesma lógica de selvageria nas ruas da cidade. Após o assassinato da menina Ana Clara, a capital passou longos meses sob o controle absoluto de gangues. Comércio fechado, ônibus recolhidos e clima de pânico coletivo.
O horror das ruas de São Luís, a exemplo da proliferação da criminalidade em todo o Estado não surgiu do dia para a noite, foi fruto de anos de irresponsabilidade de Roseana Sarney, que jamais se interessou em construir uma política de segurança pública para o Maranhão ao longo dos 14 anos em que esteve à frente do governo.
Não precisa ser especialista em segurança pública para perceber o desleixo do governo Roseana Sarney. Pedrinhas se tornou um inferno propositalmente. Em meio ao caos, servidores do governo ocupantes de cargos de confiança por indicação de Roseana  passaram a organizar quadrilhas dentro do complexo penitenciário para extorquir dinheiro de presos e oferecer vantagens a facções do crime, tudo acobertado por Roseana e seus acólitos.
Felizmente, o atual governo decidiu enfrentar o problema e conseguiu debelar o clima de pânico permanente instalado pela irresponsabilidade do governo anterior. Não há mais notícias de decapitações em Pedrinhas. Não há mais notícias de ônibus incendiados, comércio fechado, pessoas queimadas.
A luta para restabelecer a segurança no Maranhão, porém, é árdua. A incompetência do governo Roseana Sarney gerou uma catástrofe para o Estado que levará provavelmente uma geração para ser debelada.
Mas o pior, felizmente, já passou.

Do Maranhão da Gente

Deu a louca no Murad: Não tendo o que inaugurar, querem inaugurar uma obra do Estado

Nesta quarta-feira, dia 08 de abril, o município de Coroatá completará aniversário pelos seus 95 anos de emancipação política, uma data que passará mais um vez em branco, sem programação festivas e sem alegria. Agora uma cena que chamou muito atenção na cidade, foi mais uma vez a estratégia de Ricardo e Tereza Murad, segundo informações a dupla pretende inaugurar uma obra do estado, é isso mesmo, foi o desespero que bateu.

Essa estrada que já foi alvo de muitos desvios de dinheiro no governo de Roseana que deixou a obra atrasada por vários anos, mais hoje o governo de Flávio Dino trabalha para entregar a obra pronta, vários trabalhos já foram feitos e falta pouco para que esteja pronta 100%, mais andando pela estrada o que falta mesmo só é a sinalização, no qual a mesma já está toda asfaltada, um trabalho e compromisso do governador Flávio Dino com a população maranhense.

Agora Ricardo e Teresa não tendo o que inaugurar e por não ter nada de bom programado no aniversário de Coroatá, querem inaugurar uma obra do Estado, com isso colocando o governo municipal em um mundo de fantasias e ilusões.

Ricardo Murad pagou por serviços prestados por médico morto


A Secretaria de Saúde do Maranhão cobra o ressarcimento de parte dos R$ 200 mil pagos pela gestão anterior, do ex-secretário Ricardo Murad, por supostas cirurgias realizadas no Hospital Macrorregional de Coroatá.

Uma auditoria feita pelos técnicos da Saúde constatou que o ex-secretário pagou pelos serviços do médico Luís Alfredo Neto no período após a sua morte.

O ex-diretor do Hospital Geral foi assassinado no dia 9 de novembro do ano passado, na porta de sua residência, vítima de um latrocínio. Na ocasião, Murad chegou a solidarizar-se com o falecimento de Luís Alfredo. Todavia, não poupou a memória do médico de sua ganância.

Na fatura apresentada pelo Instituto Natureza e Cidadania, uma das OSCIPS responsáveis pela gestão dos hospitais estaduais no governo Roseana Sarney, o nome de Luís Alfredo figura no corpo de médicos que realizou cirurgias no Hospital Macroregional de Coroatá entre 16 de novembro e 15 de dezembro de 2014.

Em fevereiro deste ano, a Secretaria Estadual de Saúde constatou a irregularidade e cobrou da ICN a devolução ao erário público dos pagamentos indevidos feitos a Luís Alfredo.

Com informações do Blog Marrapá.