segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Entrou mudo e saiu vaiado

IMG_0785
Afogado até o pescoço no escândalo de corrupção da Petrobras, o ex-ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB), levou sonoras vaias durante o ato de entrega de casas do Minha Casa Minha Vida pela presidenta Dilma Rousseff, no bairro do Maracanã.
Constrangido e visivelmente abatido por causa das denúncias de recebimento de propina investigadas na Operação Lava Jato, o senador do grupo Sarney também participou da inauguração do Terminal de Grãos do Maranhão (Tegram), mas entrou mudo e saiu calado do evento.
Outro que parecia pouco à vontade ao lado do governador Flávio Dino (PCdoB) era o ex-ministro de Turismo Gastão Vieira, apesar do gesto do cerimonial do Palácio do Planalto de convidá-lo para a cerimônia mesmo sem mandato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário