sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Justiça apreende passaporte e proíbe Murad de deixar São Luís

Ricardo Muras Preso
A Justiça Federal decidiu apreender o passaporte do ex-secretário de Saúde do Maranhão, Ricardo Murad (PMDB). A pedido da Polícia Federal, o juiz federal Roberto Veloso também proibiu o cunhado de Roseana Sarney de deixar São Luís.
O novo pedido de prisão contra Murad por destruição de provas foi negado pelo magistrado, apesar do parecer favorável do Ministério Público Federal (MPF).
Investigadores da Polícia Federal, com o apoio de auditores da Controladoria Geral da União, acusam o ex-secretário de comandar a organização criminosa que teria desviado R$ 1,2 bilhão dos cofres públicos estaduais entre os anos de 2011 e 2013.
Conduzido à força na última terça-feira (17) à sede da PF em São Luís, Ricardo foi interrogado por quase 15 horas. As contradições em seu depoimento levaram os investigadores da “Operação Sermão” aos Peixes a pedirem a prisão do ex-titular da Secretaria de Saúde do Maranhão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário